Blogs e blogueiros

|

 Aiya, mell meldë mellon. Como vão, queridos amigos? Bem? Mal? Hoje, eu dei "um tapa" (que expressão é essa?) no visual. Reforcei o V no cabelo e fiz uma franja. Sábado, quando eu for para a casa de minha irmã, irei tirar uma foto. Ah, e sairei a tarde para comprar um biquíni para Sábado (na casa da minha amiga tem piscina, e no Sábado eu vou dormir lá e usar muito a piscina). E como eu irei sair não irei retribuir os comentários hoje, só amanhã, certo? :)

 Bom, hoje eu irei falar sobre blogs e sobre os blogueiros (homens, mulheres, tanto faz). Com o avanço da tecnologia ficou bem mais fácil ter internet e computador. Assim, muitas pessoas começaram a fazer novos sites: google, facebook, blogger, wordpress, tumblr, enfim, sites. Com isso cresceu a onda dos blogueiros: pessoas que postam em blogs. Começaram postando sobre seu dia, depois foram postando coisas variadas como o filme que viram, depois materiais de edição, tutoriais, enfim, esse caminho. E agora é isso que temos hoje em dia: um mundo cheio de blogs e sites dos mais variados temas. Mas, por que certos blogs são tão escrotos e certos blogueiros tão imbecis?

 Fazer um blog e fazê-lo crescer não é a coisa mais fácil do mundo. Não é simplesmente postar e pronto, deixar de lado. Bom, você pode fazer isso, mas assim o seu blog não terá visualizações, pessoas para comentar, e o mais importante: você não vai colocar o seu melhor. Para ter um blog, você tem que ser criativo, não pode ficar postando o que todo mundo posta. Se saiu um filme daora, ou um livro, um álbum, enfim, algo novo, e você quer mostrar no seu blog, seja criativo no modo que for postar. 

 Quando o filme de A Culpa é das Estrelas lançou a maioria dos blogueiros postaram sobre esse filme. Resenhas, fotos, novidades, enfim, coisas sobre ele. E isso foi chato! Todo santo blog que eu ia tinha praticamente o mesmo conteúdo, e isso ficava enjoativo. Você perde credibilidade e visualizações com isso. Seja original.

 Outra coisa que estraga o blog: layout. O layout tem que ser sua cara, mas organizado, com letras legíveis. Não pode ser escroto cheio de gifs, imagens sem qualidade, essas coisas. Tem que ser organizado, bonito, um layout que faça a pessoa seguir o blog só por ele ser bonito. Quando um layout é feio eu não sigo, a menos que o conteúdo seja muito, muito bom.

 Agora vamos falar dos blogueiros. Há muitos, mas muitos mesmos, blogueiros escrotos. Aqueles que você vai lá, comenta, eles nem respondem e nem retribuem a visita. Ou se retribuem, pedem: "Ah, tô seguindo, me segue?" Isso é irritante! Se o seu conteúdo for ruim, eu não irei seguir. Eu irei retribuir a visita, claro, mas não vou seguir.

 E tem aqueles mal educados. Ele chega e começa a criticar sem ajudar. Tem a crítica fundamentada e tem a crítica de hater, que fica só "ah, que layout feio e conteúdo de merda". Isso não ajuda em nada. Ou chega num debate super pessoal e fala "cara, que merda, seu lixo, opinião de merda". Ok, se não concorda com a opinião, poxa, ao menos respeite. Respeito é algo fundamental que muita gente não tem.

 Ah, e tem os plagiadores, aqueles que copiam conteúdo, layout, ou os dois; os mentirosos e falsos, que falam que adoraram tudo e não tem opinião própria; tem os legais que são realmente visitantes, que mesmo não gostando ou concordando com o conteúdo, falam de uma forma gentil, educada e respeitosa; e vários, mas vários outros tipos. 

 Então, amigos, esse foi o post. Desculpe-me a simplicidade. Me digam se concordam e se conhecem alguns dos exemplos citados. Até mais, amigos!

22 comentários:

  1. Bom, nesses quase três anos de blog eu já vi quase tudo, quase tudo porquê a cada dia surgem novas coisas. Comecei a moderar os comentários depois de anônimos comentarem postagens antigas, do tempo que não era um blog literário, com palavras ridiculas, que mais tarde descobrir vir de blogs grandes, que não vem mais ao caso. Odeio o tal "Segue?" e execro mais ainda aqueles que não leem o post e comentam qualquer coisa só para aproveitar nossa boa vontade de retribuir comentários. Eu, 90% do que faço na internet é visitar blogs, ler postagens e comentar os posts - amo isso! Mas tem gente que não sabe ser bloggeiro, ou escreve pro vento ou espera a conquista sem esforço.

    http://gabryelfellipeealgo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é cara, nossa, isso é tão merdendo.

      Excluir
  2. Adoro piscina! Muito mais do que praia, não sei, detesto praia, é chato e dependendo do local, eu nem vou, ahaha. Concordo no primeiro parágrafo, mas "hoje" em dia, os blogs crescem bem mais rápidos que o normal, antes, era bem difícil fazê-los crescê-los sem se matar de comentar e essas coisas, mas falo de conseguir fazê-lo crescer na maneira legal, não pela adjunto de outros blogs. Eu não vi muita coisa no livro ACEDE, o filme foi até melhor, só acho. Blogueiros que não sabem aceitar críticas, ficam irritados ou coisas assim, para mim, nem existe. Tem uma pessoa que mal poderia receber uma opinião fundamentada na ask e mesmo sem entender, já se rebelava. Ah, o último parágrafo é bastante resumitivo! E olha que há pessoas tão sem noção, ao ponto de kibar e ainda deixar bem na ponta de seu nariz que ele/a te kibou, gente, paremos que assim, não iremos para lugar algum. Gostei da postagem, Karla!
    Beijos www.them-reverse.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, aqui, pelo menos, são sujas e cheia de gente mal educada, e as águas são incomodas. Prefiro mil vezes piscinas.

      Pois é. Sim, exato! Obrigada :)

      Excluir
  3. Oi, post legal. To te seguindo. SDV?
    Bjos.

    Tá, isso foi só um exemplo, rsrs. É muito chato quando você se entrega em um post, e o indivíduo vai lá e comenta isso. Se você quer que as pessoas te deem atenção, você deve fazer o mesmo para com elas!
    A blogosfera é que nem a vida: tem todos os tipos de pessoas. Mas com o tempo a gente vai se acostumando, aprendendo a ignorar os ignorantes e a respeitar os que te respeitam.
    E o problema da falta de criatividade... Blogs sem criatividade não tem identidade. Simples assim.
    Como sempre, um ótimo texto. Gosto do espírito do seu blog, sempre levantando boas discussões e reflexões.

    Abraços,
    Diego.

    pecasdeoito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aadahudahduhaudhaudhaudhaudhauda, por um momento pensei que era de verdade e já ia falar "pô, já tô seguindo". Pois é cara! Sim, exato! Amei essa frase.

      Obrigada, de verdade <3

      Excluir
  4. Na internet você encontra todo tipo de gente, sério. Tenho meu blog há quase dois anos portanto já vi tudo quanto foi coisa e sei que ainda vou ver muito mais. Odeio esse segue de volta, as pessoas não entendem que números e leitores são coisas diferentes, muito diferentes. Eu também fiquei muito irritada quando todos os blogs falaram de ACEDE, eu que amo o livro fiquei com tanto nojinho que nem vi o filme :( Adorei o post, você disse tudo, concordo plenamente ♥ Beijão! Meninas Quase Invisíveis

    ResponderExcluir
  5. Essas resenhas de ACEDE e de autores 'modinhas' já estão cansando. Isso está longe de ser original em qualquer caso.
    Layout nem é tão importante quando se tem conteúdo. Mas organização e coerência é fundamental.
    Plagiadores não chegam a lugar nenhum!

    {att: Edwiges, from: Fleur Fanées}

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cansam muito! Sim, foi isso que eu quis dizer, haha. Concordo.

      Excluir
  6. como se vc n criticasse td q ve

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ninguém crítica tudo que vê, imbecil do cacete. Ao menos eu não faço isso.

      Excluir
  7. Desde sempre as pessoas queriam ser famosas e hoje com a internet
    esse sonho esta mais possivel do que nunca. As pessoas criam
    blog, não porque gostam de escrever e sim porque querem ser famosos.
    Não entendem que não é só copiar e colar, escrever qualquer
    coisa e achar que somos obrigados a gostar de algo sem qualidade.
    Ainda pior são os blogueiros que se acham obrigados e visitar
    os blogs dos outros pra "divulgar" e fazem comentários mediocres
    só pra deixar um link, entram dizem o que querem. Cara o conteudo, o blog esta ruim de algum modo, faça uma critica construtiva, eu já recebi comentário dizendo que odiava meu blog, que odiava sobre oq eu estava falando, vey não gosta? Não comenta, passa longe, ignora. Bem, acho que acima de tudo pra ser blogueira
    tem de ter paixão pelo que faz senão mude de ramo, sei la, faça um vlog,
    uma pagina no facebook, enfim. Acho que falta bom senso e empatia. Ninguem pensa: se comentassem isso no meu blog, como eu ia me sentir. Espero que as pessoas percebam isso um dia. Gostei do tema do seu texto.

    P de Paranoia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade. Eu também, se odeia, ok, mas dê ao menos um motivo para isso. Sim, pois é. Obrigada :3

      Excluir
  8. Eu concordo bastante com o texto, pelo menos em grande parte dele.
    Muita gente tem essa mania de fazer posts por causa de todo mundo, que está fazendo. Um exemplo são algumas tags que se popularizam muito rápido. Não condeno, as vezes não temos o que postar.
    E sobre o layout, eu penso que ele deve ser agradável, não precisa ser o melhor do mundo. Ninguém merece uma fonte feia com cor de marca texto e fundo com glitter roxo. Eu levo mais em conta do conteúdo, porém template é importante.

    hunger-girl.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Não condeno também, mas poxa, espere a onda passar. Eu também, foi isso que eu quis dizer, mas acho que foi mal colocado, obrigada.

      Excluir
  9. Oie, Karla! Realmente, fico muito chateada quando aparece um/uma mané dizendo oi adorei segue lá, comenta lá, isso é muito chato! Só deixando o comentário com o blog no final eu retribuo a visita sem precisar chatear ninguém.

    Divirta-se na piscina!! Nada melhor nesse calorzão :)

    Beijos
    Nati

    www.meninadelivro.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, sim. Também peço e faço isso.

      Obrigada! Verdade, adhuahduhaudhada.

      Excluir
  10. Ahhh como não concordar com esses tópicos? Eu conheço vários blogueiros que se encaixam nessas categorias :P, hoje em dia está difícil achar originalidade, persistência e a criatividade de tantos blogueiros, pois muitos vão só na onda do que está acontecendo, isto é, do que outros blogueiros estão falando ¬¬'. Eu tento ser o mais original possível fazendo o que eu gosto, mesmo sendo quase inevitável cair na onda do que todos postam ;). Gostei bastante da postagem, faça mais posts assim ^u^.
    Beijos Kat u,u!
    blogandoseuassunto.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é cara! Argh, esse povo... obrigada! Farei :3

      Excluir
  11. Olá, eu vou bem! E você?

    Concordo com você em quase tudo que escreveu (se não em tudo), mas, mesmo assim, vou escrever aqui, mais claramente o que penso. Eu penso assim: Criar um blog é a coisa mais fácil desse mundo hoje em dia! Todos estamos conectados, e com tantos tutoriais e dicas, espalhados pela web é difícil não se conseguir FAZER um blog. Mas ao fazer um blog, todos, sem exceção de ninguém, começam sempre entusiasmados, fazendo um post atrás do outro e é aquela coisa só, por vezes até sentimos uma invejinha, mas aí, começa a escassez de idéias! E, é quando a coisa começa a desandar... Vem uma parada, depois volta, fecha o blog, abre o blog, depois desisti do blog, abre outro, e sempre ficam nisso (confesso, eu era assim...). Claro, alguns não chegam nesse ponto repetitivo, e nem chegam na escassez, mas os que chegam, é de morrer...

    Isso acontece porque todos pensam que é só abrir um blog e postar qualquer merda, que vai virar a próxima Bruna Viera do Brasil. E, não entendem, que aqui tem que se ter uma paixão, um amor maior, de gostar de escrever, ler, dar opiniões (através dos comentários), e postar coisas que tenham um conteúdo, não pensar que aqui é status de Facebook, ou um Twitter da vida... O layout, eu confesso que já nem sigo mais blogs por achá-lo lindo, pois, hoje em dia, tem tantos layout's free lindos por aí, que só não tem um layout lindo quem não quer... Agora, pense entrar em um blog lindo, e a escrita for "pobre"? Não digo, por vocabulário, nem nada, mas sim, por falta de vírgulas, e erros bem bestas, ao ler aquilo, além de força-se a entender, você não vai querer comentar... Quem quer fazer um "auê" em comentários? E nem todos os blogueiros aceitam as críticas construtivas, e fundamentadas.

    Sem falar na falta de criatividade! estava olhando meu painel do blogger, e só tinha tags e mais tags, quando fui lendo o nome, a surpresa (ou não): todas com o mesmo nome, eram as mesmas. Confesso que gosto de uma tag, uma vez ou outra, mas ficar postando elas todos os dias da semana, aí já é demais... Conteúdo está em falta! Personalidade está em falta! As pessoas, seguem exemplos, mas não o seguem de uma forma, para se reinventarem, elas começam a copiar descaradamente as pessoas em tudo, no alinhamento (que virou padrão o justificado), nas imagens, no modo da escrita, nas gírias, posts, e se duvidar demais, até mesmo no nome do blog. Ou seja, criar um blog é fácil! Difícil é mantê-lo, e deixá-lo a sua cara, de uma forma que todos leiam e saibam que essa é a blogueira fulana de tal, e não aquela blogueira do bloguinho famoso (não estou jogando indiretas para ninguém! Que isso fique bem claro, ok?!).

    Enfim, essa é minha opinião. Como disse, ela não diferencia muito da sua, e são quase iguais. Espero que as pessoas que chegarem por agora na blogosfera, tracem caminhos mais originais, pois do jeito que está indo, daqui uns dias só teremos a mesma coisa de sempre: tags. Chu ✩.

    Devaneios Verazes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é! Ai, cara... bate aqui. Concordo com tudo mesmo! Acho que expliquei mal... enfim, é exatamente isso.

      Excluir

Iddelat, anni athfiezar! Seja bem vindo ao blog! Comente o que quiser, bem... comente o que quiser respeitando essas regrinhas:

1°.: Pode xingar a vontade! Eu não me importo nem um pouco com xingamentos. Porém, que tenha respeito. Leia essa postagem para entender melhor essa regra.

2°.: Anônimos são totalmente permitidos. Mas, ao menos, coloque o seu nome. E qualquer comentário que qualquer pessoa postar (seja maldoso, bom, qualquer coisa) aparecerá no blog.

3°.: Deixe o link do seu blog no final do comentário para que eu possa retribuir a visita. Não irei retribuir quem não deixa o link! Porém, não comente coisas do tipo "Amei a postagem" e coloca o link do seu blog. Isso não é fazer um comentário sobre a postagem, é comentar qualquer coisa e esperar que eu visite você de volta.

4°.: "Segui, segue de volta?" Nunca comente algo assim. Seguirei o seu blog se eu gostar dele, e pronto!

5°.: "Posso me afiliar?" Também não escreva isso, a menos que tenha escrito sobre a postagem. E depende se eu gostar do blog ou não.

Bem, amigos, é isso. Sigam essas regrinhas e sejam bem vindos! Lembrando que, qualquer comentário, opinião, negativa ou positiva, eu quero saber, tá? Aproveitem e se divirtam!

Página Anterior Próxima Página Home